O Ninho: um oásis dentro de uma área urbana densamente povoada

VOLTAR

Projetada pelo a21estudio, a casa traz o olhar verde de uma construção flexível e econômica


Via Archello

A The Nest (O Ninho) foi projetada pelo a21studio para um jornalista de meia-idade que tem trabalhado nos últimos anos para revistas de arquitetura do Vietnã. A casa está localizado na periferia de uma nova cidade, à frente do urbanismo, com variados estilos de arquitetura habitacional em seu entorno. Assim, arquiteto e cliente tiveram a mesma idéia do olhar verde, mas sem comprometer o conforto e, especialmente, não se diferenciar muito dos vizinhos.

Dentro de um orçamento restrito, foi criada uma estrutura iluminada, feita com chapas de aço e metal, em vez de tijolos e concreto, como de costume. Móveis sem uso, abandonados, mas ainda em bom estado, foram considerados uma solução adequada para os ambientes da casa - o que não só reduziu o custo de construção mas também conferiu à casa uma aparência distinta, com a beleza e serenidade que os itens antigos trazem com a idade .

 

Sem dúvida alguma, usando a estrutura de aço se conseguiu uma estrutura mais leve, bem como encurtar o período da construção, e ainda economizou-se custos. A casa é feita com colunas e vigas de aço que ligam folhas de metal, cobertas ou preenchidas com plantas. Olhando à distância, a casa faz  lembrar uma caixa verde. 

A The Nest está estruturada em duas partes verticais; dois quartos privados no andar superior, enquanto cozinha e sala de estar estão no piso térreo e abertas para a natureza, sem qualquer porta ou janela. Isso faz com que os ambientes externos e internos  se misturem. 

O conceito da casa, acima da organização de espaços e uso de flexibilidade na estrutura, foca na construção de baixo custo, o que tem atraído a atenção da sociedade no Vietnã. Ao reutilizar itens descartados e ocupar os espaços de forma inteligente, as pessoas podem ter uma casa confortável e amiga da natureza a um baixo custo.